TURISMO

O que fazer em Washington DC

Conheça as principais atrações da capital dos Estados Unidos

A capital dos Estados Unidos é uma cidade realmente encantadora e cheia de charme, consegue misturar história e modernidade como poucas cidades no mundo. Ao caminhar pelas ruas de Washington DC você vai perceber o enorme patriotismo dos americanos, já que o local oferece inúmeros museus, monumentos, memoriais, praças e parques cheios de informações, curiosidades e memórias sobre a história do país e sobre a trajetória dos EUA ao se tornar uma potência mundial.

Recheada de atrações por todos os lados, Washington conta ainda com todo o agito e diversão que uma metrópole proporciona, uma gastronomia local e mundial de muita qualidade e uma vida noturna intensa, além de uma ótima infraestrutura para receber seus visitantes. Só no ano de 2018, a capital americana recebeu cerca de 23,8 milhões de turistas, movimentando 7,8 bilhões de dólares na economia.

História de Washington DC

Quando os Estados Unidos ganharam sua independência, não tinham ainda uma capital fixa e todas as reuniões do Primeiro Congresso Continental, do Segundo Congresso Continental, do Congresso da Confederação e da Constituinte dos Estados Unidos se passaram em nove cidades diferentes. Foi então no ano de 1783 que um conflito durante uma das reuniões do congresso na cidade de Filadélfia fez com que os congressistas saíssem da cidade, foi o chamado Motim da Pensilvânia de 1783.

Foi então que surgiu a necessidade da criação de uma capital independente dos estados e o assunto foi então discutido na Convenção de Filadélfia em 1787. A cidade de Washington D.C. foi formada através de terras cedidas pelos Estados de Maryland e Virginia, quando o primeiro presidente americano, George Washington escolheu uma área de 259 km², às margens do rio Potomac. A construção da cidade teve início em 1792 e foi no ano de 1800 que Washington D.C. foi inaugurada, se tornando a capital dos Estados Unidos.

Seu nome foi em homenagem ao presidente George Washington e o acréscimo D.C se refere ao termo District of Columbia, distrito onde a cidade fica localizada.

O que fazer em Washington D.C.

Vá até o National Mall. O ponto de partida para quem decide visitar a capital dos Estados Unidos com certeza é o National Mall. É nesse ponto da cidade que se concentram grande parte das suas atrações turísticas. É no longo jardim da esplanada que estão localizados os principais museus que compõem o Instituto Smithsonian e que oferecem visitação gratuita. Entre eles:

National Museum of Natural History:

O museu está entre os mais populares da cidade, foi fundado em 1910 e contém um acervo de mais de 126 milhões de espécimes e artefatos, que trazem um pouco sobre a evolução da espécie e muitas curiosidades de ciências. São diversos aquários mostrando um pouco dos mares e oceanos, esqueletos de dinossauros, múmias, pedras preciosas raras (como o diamante Hope) e meteoritos. Há ainda uma réplica gigante de uma baleia azul, um borboletário, um laboratório que faz análise de fósseis e uma loja com diversos itens para quem adora ciências e animais.

O endereço é na 1000 Constitution Avenue NW, National Mall. Mais informações sobre o horário de funcionamento e programação podem ser encontradas no site oficial do National Museum of Natual History.

National Museum of American History:

O museu apresenta os principais acontecimentos da história dos Estados Unidos, com os mais variados temas, como fatos sociais, políticos, culturais e militares. O museu conta com diversos itens exclusivos, como os vestidos das primeiras damas, exposições sobre a luta pelos direitos da população negra, os EUA nas telas do cinema, e também uma área especial sobre os presidentes americanos. Há ainda dois cafés e uma loja dentro do local. O endereço é 1400 Constitution Avenue NW, National Mall. Mais informações podem ser encontradas no site oficial do National Museum of American History.

Smithsonian Institution:

Conhecido como “O Castelo”, o museu é um dos prédios mais bonitos do National Mall e também a sede do maior complexo de museus do mundo. É no local que está a cripta do cientista britânico, James Smith, doador de uma grande fortuna para a criação do Instituto. O local atualmente funciona como centro de visitantes e também administrativo. Há ainda um café e um dos jardins mais bonitos da cidade, o Enid A. Haupt Garden, com lindas flores de cerejeira. O endereço é 1000 Jefferson Dr SW, National Mall. Entre no site oficial do Smithsonian Institution para mais informações e horário de funcionamento.

National Air and Space Museum:

Também é um dos museus mais visitados entre os turistas que vão para a capital do país. O local tem o maior acervo de aeronaves e naves espaciais do mundo em seus lindos e enormes salões decorados. São inúmeros modelos originais de aviões, que vão desde o avião dos irmãos Wright (primeiro a fazer um voo controlado) até o módulo de comando da Apollo 11.

Há ainda diversos modelos de foguetes, sondas, câmeras que tiraram registros do espaço, satélites, meteoritos e inclusive um pedaço da rocha lunar que os visitantes podem tocar. Todas as exposições são muito interativas, oferecendo voos simulados, muitas brincadeiras e experiências, planetários e filmes. Sem falar da lanchonete e as lojinhas que existem no museu, onde o público encontra roupas, brinquedos e lembranças do local. Mais informações estão disponíveis no site oficial do museu.

National Gallery of Art:

Único museu do National Mall que não faz parte do complexo Smithsonian. O prédio foi construído em 1941 no estilo neoclássico e contém trabalhos existentes desde o século XIII até os dias atuais. O acervo conta com mais de 4 mil pinturas, 3 mil esculturas, 70 mil gravuras, 31 mil desenhos e 12 mil fotos, entre outras exposições. O endereço é na 6th Street and Constitution Avenue NW, National Mall. Mais informações podem ser encontradas no site oficial do museu.

Mais atrações do National Mall

Outras atrações imperdíveis no National Mall são os vários monumentos e memoriais que ficam nos jardins do centro da capital. Entre os principais estão:

World War II Memorial:

O espaço faz uma linda homenagem as mais de 16 milhões de pessoas que serviram aos EUA durante a Segunda Guerra Mundial, incluindo os 400 mil soldados que perderam a vida nas batalhas. Durante a noite o memorial ganha uma iluminação especial, que deixa ainda mais bonito o espelho d’água e o chafariz que existem no centro do prédio. O endereço é 1750 Independence Avenue SW.

Martin Luther King Jr. Memorial:

Inaugurado em 2011, pelo primeiro presidente negro dos EUA, Barack Obama, o memorial traz uma enorme estátua, com 9 metros de altura que foi construída em homenagem ao ativista que lutou pela igualdade entre as raças e pelos direitos civis. O endereço é na 1964 Independence Avenue SW.

Lincoln Memorial:

Todo construído em mármore branco, o enorme memorial marca o extremo oeste do Constitution Gardens, junto ao National Mall. Cercado por 36 colunas romana, fica a estátua de Abrahan Lincoln, 16º presidente dos Estados Unidos, com quase seis metros de altura e 175 toneladas. Inaugurado em 1922, o local contém alguns trechos de discursos do presidente em seu interior. O local já sediou momentos importantes da história do país, como o famoso discurso de Martin Luther King Jr, em 1963, “I have a Dream”. O endereço é 2 Lincoln Memorial Circle NW, National Mall.

Washington Monument:

Com 170 metros de altura, o obelisco marca a ponta do National Mall. Foi construído para homenagear o primeiro presidente dos EUA, George Washington. Inaugurado em 1884, é considerado a estrutura de pedra mais alta do mundo e também o maior obelisco. A entrada é gratuita, mas os tickets de acesso se esgotam muito rápido, a distribuição começa às 8h30. Há a possibilidade de pagar US$1,50 e reservar o ingresso pelo site oficial do monumento, para não enfrentar as filas do observatório que existe no topo da estrutura, onde se consegue uma das vistas mais bonitas da cidade. O endereço é na 100 Lenfant Plz SW, National Mall.

Visite o Capitólio e a Congress Library e siga para a Casa Branca

Além dos diversos museus que existem no National Mall, existem outras atrações no local, que são imperdíveis para quem visitar Washington D.C. Entre elas:

Capitólio:

É a casa do Congresso Nacional dos EUA, onde ficam o Senado e a Câmara. O local marca o centro da capital e a partir dele a cidade se divide em pontos cardeais que marcam os nomes das ruas. As visitas no interior do Capitólio são permitidas somente em tours oficiais, que podem ser reservados com antecedência pelo site oficial. O prédio conta ainda com uma ligação subterrânea com a National Library. Todas as visitas são gratuitas. Mais informações podem ser encontradas no site oficial do Capitólio.

Congress Library:

É simplesmente a biblioteca com o maior acervo do mundo, com 158 milhões de itens. Após um incêndio causado por tropas britânicas que invadiram o Congresso, em 1814, quando a biblioteca ainda fazia parte do prédio do Capitólio, um novo acervo foi montado, com uma coleção particular com 6.487 exemplares cedida pelo presidente Thomas Jefferson à biblioteca, por pouco mais de 23 mil dólares. O local sofreu mais um incêndio em 1851 e somente em 1897, foi inaugurado um prédio independente, já considerado Monumento Nacional.

Os principais exemplares do acervo são a Bíblia de Gutenberg e a Bíblia Gigante de Mainz, além da coleção original de Thomas Jefferson e o primeiro mapa do mundo a citar a América. Mais informações podem ser encontradas no site oficial da Biblioteca. O endereço é na 101 Independence Avenue SE.

Casa Branca:

Bem próximo no National Mall, somente a poucos minutos a pé, fica localizada a Casa Branca, outro passeio mais do que obrigatório para quem visita à cidade. A Casa Branca é a residência oficial do presidente dos Estados Unidos. Há um centro de visitantes no local que oferece uma exposição sobre a história da “White House”. A área está sempre cheia de turistas e também de alguns manifestantes que vivem marcando presença no local. No site oficial da Casa Branca há um tour virtual disponível. O endereço é 1600 Pennsylvania Avenue NW.

Atrações em outros pontos da cidade

Union Station:

A maior estação de trem e metrô da cidade e uma das maiores dos Estados Unidos também merece ser visitada. Lá você vai encontrar diversos restaurantes com ótimos preços e lojas cheias de produtos de muita qualidade. É da Union Station também, que saem os ônibus e trolleys que fazem tours pela cidade. Os passeios são muito procurados pelos turistas e os tickets podem ser comprados na hora, na entrada principal da estação. O endereço é 50 Massachusetts Avenue, NE.

Chinatown:

O famoso bairro que existe em praticamente toda cidade americana também está presente em Washington D.C. O local é repleto de restaurantes típicos da culinária asiática e de lojas com os mais variados produtos. A rua é caracterizada pelo grande portal em estilo oriental. Chinatown fica entre as ruas H e I, vizinha à Downtown.

United States Botanic Garden:

Bem próximo do Capitólio, o Jardim Botânico é um dos mais antigos da América do Norte, criado em 1820. O local abriga um grande jardim externo e uma estufa com milhares de espécies de plantas de diversos lugares do mundo. A estufa é dividida em vários setores, como: Espécies Raras e em Perigo de Extinção, Plantas Medicinais, Selva Tropical, Orquídeas, Mediterrâneo, entre outros. Na área externa ficam o Jardim Nacional e o Parque Bartholdi, incrivelmente lindos. A entrada é gratuita e o endereço é 100 Maryland Avenue SW.

Downtown:

A região fica próxima à Casa Branca e concentra inúmeros restaurantes e lojas, ideal para quem quer fazer compras, mas deseja fugir dos shoppings e outlets lotados. As principais lojas da região central ficam nas F Street NW e G Street NW, especialmente entre a 7th e a 13th St NW. Lá você vai encontrar marcas como a Macy’s, Forever 21, Gap, H&M, entre outras.

Georgetown:

É considerado o bairro mais famoso e visitado da capital americana, com seus belos parques, ruas floridas, lindas casinhas de tijolos e ruas de paralelepípedos, mostrando sua mistura entre o moderno e o clássico. O bairro é banhado pelo C&O Channel, canal centenário que antigamente transportava mercadorias entre Maryland e Washington e que se tornou um parque e ótimo passeio para os visitantes e moradores da cidade.

Pennsylvania Avenue:

Uma região bem aconchegante e simpática que reúne diversos restaurantes, inclusive asiáticos e mexicanos, e também diversas pizzarias, confeitarias e cafés.

Passeios de ônibus ou trolleys:

É uma ótima opção para quem deseja se locomover pela cidade de maneira mais confortável e prática. Os dois meios de transportes levam os visitantes aos principais pontos turísticos da cidade. Há diversos pacotes e valores de passeios, dependendo da região que você quiser visitar.

Quando visitar Washington D.C.

A época mais aguardada para se visitar a cidade é durante a primavera, quando as flores das cerejeiras começam a florir, deixando Washington ainda mais encantadora. É quando acontece o Cherry Blosson Festival, que reúne multidões na beira da Tidal Basin, a baía artificial próxima ao National Mall. Os turistas ficam admirados com a beleza das cerejeiras que cercam o West Potomac Park e os memoriais que existem no local.

O verão é a época das férias escolares e isso faz com a cidade também fique cheia de visitantes, que aproveitam as atrações ao ar livre e os diversos festivais que acontecem na capital. Os gramados do National Mall e os parques da cidade ficam lotados, e o Waterfront Park, em Georgetown oferece esportes como stand up paddle e canoagem.

O clima agradável do outono e seus belos tons fazem da estação a mais romântica e tranquila para visitar a cidade. É quando os moradores e turistas aproveitam para fazer piqueniques, passeios ao ar livre e as trilhas do Rock Creek Park. É no outono também que se inicia a temporada de futebol americano, e os fãs do esporte podem aproveitar para curtir os jogos do time da cidade, o Redskins.

As neves que caem no inverno trazem um charme à parte para Washington D.C. Os visitantes aproveitam para brincar nas pistas de patinação que acontecem no Jardim das Esculturas. A cidade ganha uma iluminação especial e a linda árvore de Natal da Casa Branca vira uma das atrações preferidas do local.

A capital dos Estados Unidos oferece inúmeras atividades e atrações em todas as estações do ano e cada uma delas acrescenta um encanto especial à cidade. Vale lembrar que a maioria dos pontos turísticos da cidade podem ser visitados em qualquer época do ano, o que deixa Washington D.C ainda mais incrível.

VEJA TAMBÉM:

Etiquetas
Mostrar mais

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar